Será que esse modelo de containers é um Hype?

Standard

Na informática tudo as vezes parece muito fluído. Coisas nascem rapidamente e morrem as vezes na mesma velocidade. Algumas tecnologias que prometem muito e as vezes se percebe que grande parte é uma grande obra de marketing ou algo parecido.

no-hypeQuando a ideia de trabalhar com containers me foi apresentada, através do uso do Docker, e como as pessoas já estavam eufóricas fora do Brasil sobre esse assunto, me deixou um pouco com a antena ligada, que talvez fosse esse mais hype da nossa área. Sendo assim fui pesquisar com certo receio.

Ao testar pela primeira vez seu uso, percebi que tinha grande potencial, que tecnicamente a ideia é muito boa e toda cadeia de serviço que vem embutido no modelo faz muito sentido para a nova cultura DevOps que vem se desenhando há certo tempo.

Talvez você não confie nas minhas previsões, pois sou somente um soteropolitano comedor de acarajé  😛 Talvez as notícias abaixo deixem você mais convencido:

Containers and Microservices Force VMware To Ship A Linux Distribution

Veja que estamos falando da grande VMWare, que é dona de uma enorme fatia de mercado.

Intel takes on CoreOS with its own container-based Linux

A Intel não me parece ser uma empresa que aposta em hypes 🙂 E criar sua própria distribuição GNU/Linux para atender essa demanda de mercado quer dizer muita coisa pra mim.

Google gets a jump on Microsoft and Amazon with Container Engine

Nem preciso falar do tamanho da Google, não é? Sei que ela acaba testando muita coisa, e uma parte acaba por ser Hype mesmo (Google Glass?), mas ela usar como serviço indica bastante coisa pra mim.

Microsoft Unveils New Container Technologies for the Next Generation Cloud

Assim como a Google, a Microsoft está apostando nesse modelo para seu serviço e vale lembrar que de todas essas empresas, a MS é a empresa mais conservadora, ou seja, se até mesmo a MS está apostando nisso, quem pode duvidar desse sucesso? 😛